08 outubro, 2015

Pinguim celebra 80 anos com cardápio especial depetiscos

Rumo aos 80 anos, a Choperia Pinguim contabiliza centenas de histórias e até mesmo algumas lendas acerca de seu chopp. As comemorações da data tão especial se iniciam neste mês de setembro, convidando os brasilienses a se deliciarem com um exclusivo cardápio de petiscos que marcaram a história da casa nas décadas passadas. As novidades estarão disponíveis de segunda a sexta-feira, da s 17h às 20h.

Os clientes podem escolher entre a deliciosa Tulipinha de Frango ao alho e óleo, a saborosa Parma Giana à Palito, recheada com presunto parma e queijo provolone, e os tradicionais torresmo e quibe. O famoso Bigode (unidade de camarão empanado) também está no cardápio. A costelinha de porco, o coração de frango acebolado, o bolinho de queijo e a língua ao molho também compõem as opções de pratos quentes.



Para quem prefere as porções frias, o Pinguim disponibiliza apetitosas opções acompanhadas de vinagrete, como: o saboroso joelho de porco com vinagrete, deliciosos ovos de codorna, moela de frango e polvo. Para paladares mais tradicionais, há o mix de azeitonas e o aperitivo de batatinha e cebolinha.


Para acompanhar os deliciosos petiscos e refrescar o calor brasiliense, o público pode saborear dois clássicos: o mini chopp e o inigualável Maracanã.

História do Pinguim

Em meados da década de 30, Ribeirão Preto, interior de São Paulo, diversificava suas atividades e já mostrava vigor após o crash da Bolsa de Nova York, em 1929, que tirava poder mas não o charme da capital do café. Um imponente prédio, o Edifício Diederichsen, um dos principais do interior do Brasil, estava sendo construído no coração da cidade. Antes da inauguração oficial deste marco arquitetônico de Ribeirão, em 1937, um misto de bar com choperia abria suas portas no térreo do edifício em acabamento, no dia 29 de agosto de 1936, sem grande alvoroço, bem na esquina das tradicionais ruas Gal. Osório com Álvares Cabral.

Nascia naquele momento o Pinguim, uma marca fadada a fazer sucesso e hoje associada em todo Brasil, e em muitos países, com a arte de se tirar e beber um bom chopp. Aos poucos, o Pinguim foi crescendo e tornando-se conhecido pela qualidade do líquido servido, pelo bom atendimento, por seus pratos especiais, por lendas e pelos personagens que o frequentam.

Desde o início, muitos mitos já cercavam o Pinguim, o novo ponto turístico da cidade, que recebia desde artistas e esportistas, a políticos e presidentes da República. A marca ampliou seus horizontes, passando a ser conhecida também no exterior, difundindo a famosa história do “chopeduto”, que ligava a casa até a cervejaria Antárctica, localizada a algumas quadras. Em 1977, nascia a primeira cria, O Pinguim II, localizado na esquina em frente, bem ao lado do majestoso Theatro Pedro II, no chamado Quarteirão Paulista.

Fotos: Telmo Ximenes

Local – Espaço Gourmet do Parkshopping
Telefones – (61) 3042.1070
Horários de funcionamento – das 11h à 1h da manhã

Nenhum comentário: