29 setembro, 2016

A história do Nhoque da Fortuna


Conta a lenda que São Pantaleão andava pela Itália num dia 29, no século IV, disfarçado de mendigo quando pediu comida a uma família muito pobre.
A família tinha pouco nhoque e dividiu com o visitante mesmo assim, restando sete pedacinhos para cada um.
Quando o santo se foi, as pessoas da família encontraram muito dinheiro embaixo dos pratos.
Daí vem a prática de comer o nhoque da fortuna todo dia 29, com uma nota ou moeda embaixo do prato de forma a garantir prosperidade. Ah, deve-se comer os sete pedacinhos iniciais e fazer um pedido.
Para mim é uma ótima desculpa para fazer e comer nhoque! Rsrs
Esse da foto eu fiz com batata doce e molho de tomate caseiro.
Para a massa usei 01 xícara e meia de batata cozida e amassada, juntei 03 colheres (sopa) de farinha de trigo e temperei com sal e pimenta. Faça "cobrinhas" com a massa numa superfície enfarinhada e corte os pedaços com uma faca.
Leve para cozinhar aos poucos numa panela cheia de água fervente. Quando o invoque boiar, significa que está cozido. Então retire com o auxílio de uma escumadeira e continue o cozimento do restante.
Sirva com o molho de sua preferência. Ao invés da batata doce, também pode usar batata inglesa, mandioca ou aipim, inhame, mandioquinha ou batata baroa. Nesse caso, a quantidade de farinha pode variar. Se você tem alguma intolerância ao glúten pode usar farinha de arroz, fécula de batata ou farinha de aveia.
Só não deixe de fazer, aventure-se! 

28 setembro, 2016

Curso de geleias artesanais em Brasília


Essa é uma ótima oportunidade para quem está pensando em abrir um novo negócio: Geleias artesanais.
O chileno Mauro Concha (35) e o brasileiro Thiago Henrique (30) decidiram apostar e focar na Mermeleia em 1º de abril de 2014 e hoje, pouco mais de dois anos depois, já comercializam uma média de 1.000 potes de 250g de geleias artesanais por mês. Sem contar as mini geleias para chás de cozinha, lembrancinha de casamentos, chás de bebês, festas de aniversário etc. O nome? Vem da mistura de “mermelada” (geleia, no Chile) e geleia (do português). Especialistas em geleias – da pesquisa de ingredientes, tanto no Brasil quanto no exterior, à elaboração dos produtos – Mauro e Thiago já criaram mais de 70 sabores, todos aprovados pelos clientes. E criatividade não falta para a dupla na hora de misturar frutas, legumes, chás, bebidas alcoolicas, ervas e especiarias. O resultado? Pode ser tradicional como morango e chia, maçã com canela, frutas vermelhas, ou exótico como carambola com pimenta rosa, pera com Amaretto e chá verde com alecrim.

OBJETIVO DO CURSO:  Mostrar o processo de preparo da geleia artesanal, com frutas da estação, obtendo resultados diferenciados através de materiais de cozinha do uso diário. A partir de uma receita base, o aluno terá a possibilidade de criar mais de 10 sabores. Além de orientar como, basicamente, o aluno deve começar esse novo empreendimento.

PÚBLICO ALVO:  Empreendedores da área de alimentação, público em geral que deseja iniciar novo empreendimento, donas de casas, jovens e amantes da cozinha.

CARGA HORÁRIA: 3h

NÍVEL DO CURSO: BÁSICO

PRÉ-REQUISITO: Não há. Vontade de experimentar na cozinha.

DESCRIÇÃO: Produzimos de forma artesanal, algo que está, a cada dia mais em falta no mercado: Geleias Artesanais. Usamos de frutas brasileiras da época em combinação com especiarias que realçam e geram um diferenciado sabor na linha de geleias que existem hoje. Durante o processo, além de se surpreender com o sabor e o resultado final, descobrirá segredos para que o lucro desse produto artesanalmente criado gere mais entradas em sua casa.

VEJA MAIS EM: www.mermeleia.com.br / instagram: @mermeleia

INVESTIMENTO: R$ 200

DATA: 5 DE OUTUBRO DE 2016, das 19 às 22h

LOCAL: OBJETO CASA (CLS 302/303 - BLOCO B - LOJA 34 - BRASÍLIA/DF)

FAÇA JÁ A SUA INSCRIÇÃO NO E-MAIL CONTATO@CAROTA.COM.BR

MAIS INFORMAÇÕES NOS TELEFONES  61  3547-9273 /  99273-9002 (TAMBÉM WHATSAPP)

Piccolo Emporium lança menu executivo

A hora do almoço também é uma boa hora gastronômica, principalmente se tiver um ótimo custo-benefício. Eu sempre aproveito o horário para conhecer novas opções na cidade e, embora seja frequentadora do lugar, ainda não tinha provado o menu executivo do Piccolo Emporium.

De terça a sexta-feira (exceto feriados), das 12h às 14h30, o Piccolo oferece o menu com entrada, prato principal e sobremesa, com preços que variam entre R$ 25,00 e R$ 32,00 - Adianto que as opções são super bem servidas.

Confira o menu:

Entrada
Bruschetta de tomate ou Mix de folhas - Não vou enganar vocês, eu fui de bruschetta e estava ótima.



Prato Principal
Tilápia ao azeite de limão com ervas acompanhada de legumes salteados e purê de batatas R$ 27,00           Peito de frango grelhado ao molho Cacciatore acompanhado de arroz pilaf e legumes R$ 25,00
Polpetone de carne bovina recheado com queijo acompanhado de nhoque ao molho sugo R$ 29,00   
Parmegiana de filet mignon acompanhado de arroz branco e purê de batatas R$ 32,00 - Esse foi o que eu pedi e estava muito bom.

                                                                 
Paillard de filet mignon acompanhado de talharim ao molho Alfredo R$ 32,00 - Provei da amiga e apaixonei por essa massa: fresca, feita na casa e deliciosa!

Sobremesa
Canolli de doce de leite ou creme de ricotta com limão. 


A casa ainda precisa melhorar no atendimento, mas a comida é boa demais!...

Piccolo Emporium
Telefone: 61 3532 0304
Endereço: CLS 209, Bloco B, Loja 35 - Asa Sul
Horário de almoço: De terça-feira a sexta-feira, das 12h às 14h30.
Horário de funcionamento da casa: Terça a quinta, das 12h às 23h. Sexta e sábado,
 das 12h à 01h. Domingo, das 12h às 23h. Segunda é fechado.

26 setembro, 2016

Casa Cor Brasília 2016

Eu adoro visitar a Casa Cor e para mim é um luxo extra conhecer os espaços em primeira mão. Visitei a Casa Cor Brasília cheia de entusiamo! Essa foi umas das edições mais lindas que visitei - Sabe quando a gente gosta de tudo?
Claro que meu foco é nas cozinhas e salas de jantar, mas esse ano me chamou a atenção que a cozinha está totalmente integrada à casa, sem divisórias, proporcionando sintonia total entre o cozinheiro e seus convidados.
A cozinha não fica mais nos fundos, foi promovida à estrela!
Os revestimentos estão incríveis e reinventam a visão tradicional da cozinha branca e sem graça. Torneiras, bancadas, armários e utensílios - tudo disposto de forma charmosa e funcional. A cozinha é utilizada e utilitária!
As mesas estão enormes, as refeições não servem apenas para matar a fome, mas proporcionam convivência com amigos e família, afinal o importante não é só comer, mas comer junto.
A seguir uma seleção dos meus espaços preferidos.



Com áçucar, com afeto - Marcelo Marcolino e Desirée Nassaralla
Detalhe Com áçucar, com afeto
Sala de chá - Caroline Napoleão e Fernando Rodrigues
Detalhe da Sala de chá
Flat Terracota - Débora Brayner
Morada Sáinz - Eduardo Sáinz e Lilian Glayna Sáinz
Varanda Gourmet Carioca - Silvana Albuquerque
Espaço de Convivência - Mayara Kassiê
Espaço de Convivência - Mayara Kassiê
Loft Inside - Miguel Gustavo
Refúgio do Homem Contemporâneo - Wilker Medeiros e Alex Claver (Studio 2)
Garagem das Rotas - Didacio Duailibe e Flávia Duailibe
Área íntima dos quartos - Renata Dutra
Não bastasse tanta lindeza, o tradicional espaço gastronômico da CASA COR BRASÍLIA traz para a 25ª edição, dois expoentes da gastronomia brasiliense. O premiado restaurante Bloco C e o Ernesto Café Especiais inauguram a gastronomia da mostra com pratos que representam a culinária brasileira. 


O espaço projetado pelos arquitetos Ricardo Cury e Rebeca Maaldi exibe a essência de Brasília e Marcelo Petrarca leva três pratos de referências do restaurante para a mostra: A Burrata Cremosa com passata de tomate aparece entre as opções de entrada, como prato principal o Filet com Rapadura (ao molho rôti com risoto de grana padano e rapadura) e entre as famosas sobremesas do Bloco C, está o Churros de Banana (com doce de leite caseiro). Outros pratos estão sendo preparados especialmente para a CASA COR, ao todo serão oferecidos ao público dez opções de pratos e cinco sobremesas. Uma carta de vinho com 40 rótulos também compõe o cardápio.  

Para o espaço café, a arquiteta Juliana Santana leva o público para uma viagem no tempo com um ambiente que remete às clássicas cafeterias dos anos 50.  No cardápio, o Ernesto Café Especiarias oferece bolos caseiros (limão com iogurte/ laranja com cobertura de flor de laranjeira e amêndoas/ brownie com nozes/ coco gelado/cenoura com cobertura de brigadeiro/ mandioca com coco fresco sem glúten), pães de fermentação natural (focaccias, brioches, sonhos, croissant, azeitona, integral), além dos sanduíches, tapiocas e o famoso pão de queijo da Canastra (preparado com queijo da canastra e polvilho caipira). O cardápio ainda terá opções mais leves como tortas e quiches servidas com saladas, cuscuz marroquino e omeletes. As tortas de cheesecake com cobertura de goiabada cremosa e a de limão com chocolate branco e amêndoas também estarão por lá. As opções de bebidas ficam por conta dos cafés, chás, chocolates quentes e sucos orgânicos. 
  
Nem precisa dizer o quanto vale a pena a visita... Eu já estou pretendendo voltar!

Casa Cor Brasília - 2016
Período: 22 de setembro a 09 de novembro
Horário: de terça a sexta, das 15 às 22h. Sábados, domingos e feriados, das 12 às 22h.
Endereço: QI 09, lote D. Comércio local -  Lago Sul. Antigo Inacor.
Ingressos: R$46,00 (inteira), R$23,00 (meia). Crianças até 11 anos não pagam.
Passaporte único: R$150,00.
Mais informações: (61) 3248-4638 / 3248-6902
www.casacor.com.br/casacorbrasilia

O Realejo - Quituart Brasília


Eu demorei para conhecer a Quituart e agora que eu fui já estou cheia de planos, porque não dá para conhecer tudo de uma vez só.
Então eu comecei pelo O Realejo, casa que eu já conhecia alguns produtos por conta de eventos e tal... Mas faltava a comida. Ah, a comida...
O chef Eduardo Sedelmaier é especialista em charcutaria. Você sabe o que é isso?
Segundo ele mesmo, charcutaria é transformar ingredientes em embutidos e aí estão incluídos os patês, linguiças e até hambúrguer. Ele faz patês franceses autênticos e prepara pratos da gastronomia francesa com muita maestria.
Eu escolhi o Bouef Bourguignon (R$90,00) para começar minha aventura. A porção é mais do que generosa - Servem muito bem 3 a 4 pessoas. E vem acompanhada de arroz e farofa de banana. Que delícia!
De sobremesa o Creme Brûlée (R$18,00) é super leve e com um toque especial - Se você adivinhar o que é me conta!


Para terminar ainda trouxe para casa queijo de cabra tipo Boursin, também feito pelo chef. O queijo boursin é mais suave e espalhável, sem casca. Eu adoro usar na tapioca com geleia por cima -  Fica incrível!

Ainda pretendo voltar a Quituart e continuar com dicas delícias para vocês.

O Realejo
Quituart - QL 09/10, Canteiro Central – Lago Norte.

21 setembro, 2016

Promoção Boomerang Outback


O Outback Steakhouse criou mais uma razão para os clientes visitarem o restaurante: quem escolher o Outback às sextas-feiras no jantar, sábados durante todo o dia e domingos no almoço (das 12h às 17h), receberá um card especial da promoção Boomerang e poderá voltar de domingo a quinta-feira durante o jantar e ter uma refeição com dois pratos principais e dois acompanhamentos por R$ 59,90. 

O card dá direito a uma refeição Boomerang que pode ser uma Junior Ribs (meia costela de porco grelhada coberta com barbecue) mais um prato entre três opções à escolha do cliente. Além de outra Junior Ribs, o cliente pode escolher uma Tilápia Filet (temperado ao estilo Outback e grelhado, servido com o molho Tartare) ou um Chicken On The Barbie (peito de frango grelhado servido com o molho Barbecue) que é o prato da foto desse post. Como acompanhamento, o cliente escolhe duas entre nove opções. 

A ação é válida em todos os restaurantes Outback do Brasil até 09/10 e não é cumulativa com outras promoções.

Promoção Boomerang Outback
Card dá direito à refeição com uma Junior Ribs  + outra Junior Ribs ou um Tilápia Filet ou um Chicken On The Barbie + dois acompanhamentos por R$ 59,90
Dias para visitar o restaurante e ganhar o card: sexta (jantar), sábado (dia inteiro) e domingo (almoço)

Dias para troca do voucher card: domingo a quinta-feira, a partir das 17h.

Linguiças Cacciatore Charcutaria


Há mais de dez anos trabalhando como chef André Batista se interessou pela cozinha vendo a sua mãe preparar bolos e os seus pratos preferidos, como o arroz de suã. Depois de passar por alguns restaurantes da cidade, como Patu Anú e Alice, há quatro anos, deciciu partir para a fabricação de embutidos.

Após dois anos com criações inéditas de copa, bacon, pancetta, linguiça, o chef André resolveu comercializar os produtos e entrou para o mercado da charcutaria.

Foi assim, quando transformou a sua paixão pela produção de embutidos em um negócio, a Cacciatore. Atualmente, André produz três tipos de linguiças: Bacon (feita com barriga de porco e defumação fria), Chorizo de Rueda (linguiça típica da Argentina, com pernil, páprica picante, vinho tinto e especiarias) e Jalapeños (de pernil, cominho e picles de jalapeños). 



Eu já provei as três e posso garantir que são todas de COMER REZANDO! A minha preferida? A de bacon, com certeza!

Os embutidos são produzidos de forma artesanal, com carne suína de produtores do Distrito Federal e escolhida pelo chef antes do abate. Além disso, os produtos da Cacciatore também possuem menos produtos químicos em comparação às linguiças convencionais e não há adição de farinha de soja (sim, as linguiças industrializadas acrescentam isso).

Segundo o chef charcuteiro, o interesse por alimentos mais artesanais e menos industrializados agrada o brasiliense, que vem valorizando cada vez mais o produto consumido. Hoje, as linguiças da marca estão no cardápio de vários restaurantes da cidade, mas também podem ser vendidas em embalagens comerciais.


As caixas (embalagens super charmosas) são encontradas na Mercearia Colaborativa (412 Norte) ou entregues no Plano Piloto, Sobradinho, Colorado e Taquari, dependendo do pedido.


Fotos: Ana Morena


Cacciatore Charcutaria
Endereço: CLN 412, Bloco E, Lojas 4, 6 e 10
Telefone: 61 99202 3071
Facebook: Cacciatore Charcutaria
Instagram: @cacciatore_charcutaria



Novas pizzas na Baco Pizzaria

A partir dessa quinta-feira (22), a Baco Pizzaria terá dois novos sabores de pizza no seu cardápio: Margherita "a moda do sertão" e Carbonara. As novidades, criadas por Gil Guimarães, estarão disponíveis nas duas unidades, Asa Sul e Asa Norte, até o dia 2 de outubro.



Reformulada a partir da tradicional receita italiana para ficar mais a cara do brasileiro, a pizza Margherita "a moda do sertão" manteve apenas o pomodoro pelatti e o basílico (manjericão), e substituiu a tradicional mozzarela de búfala pelo saboroso requeijão do sertão (ou queijo manteiga), feito artesanalmente pelo restaurante Xique Xique, parceiro da Baco. Eu sou apaixonada por requeijão (é assim que chamamos na Bahia) e não posso negar que foi uma alegria encontrá-lo numa pizza com massa de qualidade.



A segunda pizza foi inspirada em um dos mais tradicionais pratos da Itália: o carbonara. Típico de Roma, o Spaghetti a Carbonara é um ícone na gastronomia italiana e adorado no mundo inteiro. A criação da Baco leva ovo caipira, guanciale e pecorino. O guanciale é um tipo de bacon não-defumado italiano, preparado com as bochechas do porco. Já o pecorino é um queijo italiano duro, compacto e com sabor forte feito de leite de ovelha. Preciso nem comentar que pizza de carbonara não tem como dar errado, né?

As pizzas custam R$57,00 com oito fatias.


Pizzas Margherita "a moda do sertão" e Carbonara
A partir do dia 22 de setembro até 2 de outubro
Preço: R$57,00

Local: SCLS 408, loja 35. Bloco C - Asa Sul e SHCN CL Quadra 309 - Bloco A - Asa Norte

19 setembro, 2016

Epcot International Food & Wine Festival 2016


O Epcot International Food & Wine Festival é uma celebração da cultura e da gastronomia de diferentes países num só lugar: o Walt Disney World, na Flórida. Comidas e bebidas típicas de vários lugares do mundo, programação especial com chefs renomados, shows de música ao vivo e outras experiências incríveis acontecem entre os dias 14 de setembro e 14 de novembro

A 21ª edição do festival, que é considerado um dos principais eventos gastronômicos dos Estados Unidos, terá cinco novos marketplaces e apresenta aos visitantes diversos pratos novos ou recriados – mais da metade do que será oferecido é novidade! Entre as novas opções estão: nachosveganos no mercado da Grécia, quesitosdoces com molho de goiaba no novo quiosque Islands of the Caribbean e manteiga de amendoim e mousse de chocolate branco no The Chew Collective.

As porções são idealizadas para que as pessoas possam dividir com a família e para que consigam experimentar vários tipos de comida, que podem (e devem) ser harmonizadas com os diferentes tipos de vinhos, cervejas, coquetéis e cidras que estão à venda para os maiores de idade. 

As culinárias de países europeus, africanos e orientais, entre outros, estão representadas em mais de 30 quiosques. No do Brasil são servidos cervejas e vinhos brasileiros, além da consagrada caipirinha. Para comer, os visitantes encontram escondidinho de carne, porco crocante com feijão preto e o clássico pão de queijo.




E, pela primeira vez em sua história, o Epcot International Food & Wine Festival organiza também experiências em alguns dos resorts do complexo. O Disney’s Grand Floridian Resort ; Spa, o  Disney's Yacht Club Resort e o Disney’s Polynesian Village Resort, por exemplo, oferecem desde brunchs até refeições na Mesa do Chef e menus que prometem uma inovadora conexão sensorial-gastronômica.  

A entrada para o festival está incluída no ingresso de admissão do Epcot, mas os apaixonados por gastronomia não podem deixar de conferir a programação à parte que inclui workshops com chefs, mixologistas e sommeliers, jantares exclusivos e eventos de degustação. Mais informações e reservas pelo site


15 setembro, 2016

Authoral - Brasília


Cozinha de autor, sem rótulos. Esta é a proposta do Authoral, restaurante que abre as suas portas ao público dia 13 de setembro, na 302 Sul. Comandada pelo chef André Castro, a casa em sociedade com Eduardo Moreth e Manuela Britto surpreende. Do projeto de arquitetura com ar industrial e contemporâneo, assinado pela Bloco Arquitetos, ao cardápio que privilegia orgânicos e produtos frescos.

A inspiração para o nome Authoral veio da cachaça homônima e premiada entre as 50 melhores do Brasil, produzida em Brasília pelo mestre alambiqueiro e master blender Moreth, amigo de infância de Castro (veja o post AQUI).

O cardápio, que revela uma cozinha moderna, de fusão com a brasileira, asiática (do leste) e francesa, é dividido em entradas, para compartilhar, principais e sobremesas. Ao todo, são 25 pratos. Vou contar para vocês o que eu comi.

Como entrada fui de Gnocchi de Banana-da-Terra, linguiça artesanal e sugo de tomates (R$ 24,00); Gyoza de porco com camarão e ponzu de pimenta de cheiro (R$ 26,00); Croquetas cremosas de rabada ao vinho (R$ 29,00); e Bolinhos de peixe com curry verde e leite de coco, servido com maionese de alho (R$29,00). Não consigo escolher o melhor, estava tudo de COMER REZANDO!



Como prato principal provei o Mar e Terra, baião de dois cremoso com lagostins (R$68,00) e que combinação deliciosa!


Infelizmente não provei as sobremesas (todas por R$ 19,00), mas confesso que fiquei de olho comprido na Irish coffee, uma panna cotta de Baileys, toffee de café e creme de mascarpone - Olha que apresentação mais linda!



Há também o Menu Degustação de oito etapas (R$ 185,00 e R$ 295,00 com harmonização).


Com dois pavimentos, o Authoral tem 78 lugares (que podem chegar a 82), sendo 24 localizados no mezanino, onde há um teto retrátil com vista permanente para o céu de Brasília, inovação proposta pela Bloco Arquitetos para o projeto com tijolos aparentes, piso de cimento e arte urbana do renomado grafiteiro Pomb. Há ainda um bar e um lounge no jardim externo. 




Authoral
CLS 302 Bloco A – Asa Sul
Fone: 61 3225.0052

Funcionamento: todos os dias. Domingo (apenas no almoço)
Das 12 às 15h (segunda a sexta-feira, almoço). 12h às 17h (sábado e domingo, almoço)
19h à meia noite (de segunda a sábado)
Lugares: 78    -    Acesso para cadeirante

Milk shake de Ovomaltine: Bob's ou McDonald's?


Essa semana o mundo gastronômico no Brasil testemunhou a treta do Ovomaltine. Tudo isso porque o McDonald's garantiu a exclusividade do uso do nome da marca nos seus produtos: McFlurry e McShake, ou seja, o famoso milk shake do Bob's deixaria de existir...

Mas a verdade é que o McDonald's garantiu apenas o uso da marca e não o uso do ingrediente.
Traduzindo:  NÃO, nosso mundo não acabou, o Bob's continua servindo o milk shake, apenas não pode dizer que é de Ovomaltine e já começou a chamá-lo de "Crocante". Mas nós sabemos de onde vem a crocância...

Pensando nisso, fui correndo provar o novo produto do McDonald's - Veja como sou boazinha - Para saber se era motivo real para tanto desespero.

A verdade é que os produtos são completamente diferentes...
O milk shake do McDonald's é feito com leite, sorvete de baunilha, calda de chocolate e é mais caprichado no Ovomaltine, então é mais doce. Porém é bem batido, o que torna o produto mais líquido. Custa R$9,00 e está disponível somente na versão 400ml. Essa foto abaixo é promocional, ele não vem nesse copo. Eu achei enjoativo.


O milk shake do Bob's é quase um sorvete, menos batido e com pouco leite, mantém o "crocante" mais inteiro. Eu continuo votando nele. 


E vocês, já provaram? O que acham?

12 setembro, 2016

Due Cuochi - Cidade Jardim - São Paulo


Um dos meus programas preferidos em São Paulo é passear pelo shopping Cidade Jardim, com suas vitrines elegantes e um ambiente ímpar - Me julguem, mas eu adoro shoppings.
Comer no Due Cuochi então é a cereja do bolo: Vista incrível, ambiente elegante e atendimento atencioso.



Como se trata de um italiano eu não poderia deixar de provar a massa, então fui de Ravioli recheado de burrata ao azeite de ervas, coberto com presunto cru e rúcula (R$66,00) - Divino é um bom adjetivo para descrever esse prato!


E ainda provei a Paleta de cordeiro ao forno com molho do assado e couzcous marroquino (R$97,00) que também estava impecável.
A sobremesa? Bem, a sobremesa eu devo admitir que corro para a Pati Piva (tem post aqui) e combino o café com docinhos ou aquele bolinho com calda quente que é um pecado...

09 setembro, 2016

Sparkling Wine Fair - Brasília


Marcada para os dias 16 e 17 de setembro, no Pontão do Lago Sul, a SWF chega com a expectativa de que o público desfrute de mais de 20 vinícolas do Brasil e do mundo, com um total de mais de 100 rótulos em um evento que vai reunir cava, prosecco e espumantes para compra, degustação e apresentação em um espaço de 900m2. Os ingressos custam R$ 120 o antecipado e R$ 150 no dia do evento, dando direito a degustação de todas as vinícolas.

Dentre as confirmadas estão as brasileiras Perini, Lídio Carraro, Zanella, Guatambú, Famíglia Zanlorenzi, Salton, Chandon, Guatambu, Villaggio Grando, Miolo e Routhier Darricarrère. 

Martini, Ballabio, Contessa Borghel, Cecilia Beretta,Castillo Perelada, Sensu, Ramiro II, Veuve Alban, Castell De la Comanda, Vidigal Wines, Pere Ventura, Boisset, Lo Sparviere, El Copero, Linda Donna e Rivani são as representantes dos espumantes importados.


Gastronomia

A gastronomia local será destaque entre os expositores. Ao todo,15 empresas marcarão presença com produtos voltados para alimentação. Alguns deles desenvolveram variações de produtos e receitas especialmente para a feira internacional de espumantes, como a Forneria Parole, que vai apresentar a pizzas variadas a R$10,00 a fatia grande.


Além da versão mini da demi-tradition, baguette com massa crocante sucesso entre os clientes, a La Paniere vai apresentar exclusivamente no evento pequenos brioches com sabores natural e de chocolate, perfeitos para degustação. O público poderá conferir, entre outras opções e pães, o pequeno francês e pequeno cereal: dois pães básicos que combinam muito bem com pastas, azeites, frios e geleias; o pequeno azeitona e pequeno castanha: massa campagne, semi-integral com uma pitada de centeio; além do fondant de chocolate, um brownie sem castanha feito com chocolate meio-amargo.


Já Renata Mandelli Art &Food trará geleias exclusivas (40g R$ 18,00 e 240g R$ 60,00), como a composta de bergamota, hibisco e prosecco, e a Champagne com Ouro. Essa última traz em sua receita espumante Brut, ouro em pó italiano e somente 10% de açúcar.

Os paladares formiguinhas também terão vez com as cheesecakes da Babi Gourmet. Destaque para a de goiabada com cabernet sauvignon, assim como a de frutas vermelhas com vinho do porto (R$ 8,00). No estande, os visitantes encontraram plaquinhas ao lado de cada sabor sugerindo a harmonização com os espumantes.


A lista de expositores ainda inclui o Samurai Food Truck, Harmonize Carnes Nobres, Champ Fresh, Kapra, Haciendas Reserva, Crepe de Paris, Empório Selecto, Café Antonello Monardo, Dociká, Cantinho do Azeite e o Empório Leninha Camargo, que servirá, na hora, Eisbein (joelho de porco) defumado servido com trio de mostardas (Forte, Escura, Doce), Carrè suíno defumado servido com seleção de geleias de pimenta, além do já citado fettuccine.

A Sparkling Wine Fair conta com o apoio do Instituto Brasileiro do Vinho (IBRAVIN), Brasil Espumantes, Sindicato da Industria do Vinho do Rio Grande do Sul (SINDIVINHOSRS), Secretaria de Turismo do DF e da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel).

Ingressos

O segundo lote de ingressos antecipados ficará disponível até o dia 15 de setembro, sob o valor de R$ 120 e podem ser adquiridas na Prime Vinho e Cultura, Adega Baco Wine Bar, Lounge GPS Brasília, Estação dos Vinhos e na D.O.C Vinhos.


Sparkling Wine Fair

Apresentação - Degustação - Vendas

Quando: 16 e 17 de setembro

Onde: Pontão do Lago Sul

Valor do ingresso antecipado: R$ 100

Valor do ingresso no local: R$150

Pontos de vendas: Prime Vinho & Cultura - Brasil 21 |  Adega Baco Wine Bar - 101 Sudoeste | D.O.C Vinhos - Shopping Venâncio | Estação dos Vinhos - 407 Norte | GPS Brasília - Iguatemi 1º Piso

Período das vendas antecipadas: Até 01 de setembro de 2016

Site: www.sparklingwinefair.com

Facebook: Sparkling Wine Fair

*Evento para maiores de 18 anos